• Sua dose diaria de crescimento pessoal!

    Poderiamos casar


    Bruno Fonseca


    Eu ainda acho que poderíamos casar, teríamos um apartamento, iríamos passear no parque aos finais de semana com os amigos, aproveitar o pôr do sol, tomar chimarrão e jogar conversa fora. Iria te buscar no seu serviço, em casa discordaríamos quanto a cor das cortinas, moveis e louças no armário.

    Não arrumaríamos a cama todos os dias, a geladeira, sem dúvidas, seria repleta de congelados e Coca-Cola, o armário, de porcarias, pipoca, leite condensado, chocolates, pringles e por ai vai. 

    Adiaríamos o despertador umas trinta vezes antes de levantar da cama, tomaríamos café as cinco da tarde, sentaríamos no sofá da sala de pijama e pantufas, assistiríamos a um bom filme agarradinhos um no outro.

    Sairíamos pra jantar em dia de chuva e chegaríamos encharcados em casa, você brigaria comigo por molhar o chão da casa, nos beijaríamos no meio de alguma frase, você pegaria no sono com a mão no meu cabelo e eu, escutando sua respiração. Eu riria sem motivo e você perguntaria por que, eu não responderia, saberíamos.


    1 comentários: